Quarta-feira, 11 de Julho de 2007

Sabem o que é tautologia?

                                                  
                                                                            
 É o termo usado para um dos vícios de linguagem.                          
 Consiste na repetição de uma idéia, de maneira viciada, com palavras      
 diferentes, mas com o mesmo sentido.                                      
                                                                           
 O exemplo clássico é o famoso "subir para cima" ou "descer para baixo".   
                                                                           
 Mas há outros.                                                            
                                                                           
 Veja a seguir :                                                           
 - elo de ligação                                                          
 - acabamento final                                                        
 - certeza absoluta                                                        
 - quantia exacta                                                          
 - nos dias 8, 9 e 10, inclusive                                           
 - como prémio extra                                                       
 - juntamente com                                                          
 - expressamente proibido                                                  
 - em duas metades iguais                                                  
 - sintomas indicativos                                                    
 - há anos atrás                                                           
 - vereador da cidade                                                      
 - outra alternativa                                                       
 - detalhes minuciosos                                                     
 - a razão é porque                                                        
 - anexo junto à carta                                                     
 - de sua livre escolha                                                    
 - superávit positivo                                                      
 - todos foram unânimes                                                    
 - conviver junto                                                          
 - facto real                                                              
 - encarar de frente                                                       
 - multidão de pessoas                                                     
 - amanhecer o dia                                                         
 - criação nova                                                            
 - retornar de novo                                                        
 - empréstimo temporário                                                   
 - surpresa inesperada                                                     
 - escolha opcional                                                        
 - planear antecipadamente                                                 
 - abertura inaugural                                                      
 - continua a permanecer                                                   
 - a última versão definitiva                                              
 - possivelmente poderá ocorrer                                            
 - comparecer em pessoa                                                    
 - gritar bem alto                                                         
 - propriedade característica                                              
 - demasiadamente excessivo                                                
 - a seu critério pessoal                                                  
 - exceder em muito                                                        
 - tenho um amigo meu                                                      
 - suicidar-se                                                             
 .                                                                         
 Podem notar que todas essas repetições são dispensáveis. Por exemplo, o termo "surpresa inesperada". Existe alguma surpresa esperada? É óbvio que não.
 Por isso, deve evitar-se o uso das repetições desnecessárias.         
 Fiquem "de olho" nas expressões que usam, no vosso dia-a-dia, para ver se não estão a cair nesta armadilha.

Recebido por mail


publicado por Intemporal às 21:44
link do post | comentar | favorito
|
5 comentários:
De Arte por um Canudo a 12 de Julho de 2007 às 01:25
Boa!..Está excelente. A Lingua Portuguesa tem rasteiras suficientes para todos os gostos. Agora tautologia é que desconhecia como termo de repetições desnecessárias.Um abraço
De soaresesilva a 12 de Julho de 2007 às 21:07
Em primeiro lugar (será uma tautologia???) quero agradecer a tua visita ao meu blog temposantigos.
Depois, dizer que achei muito engraçado e útil este teu post. De facto, usamos muitas vezes frases completamente desnecessárias. Vi que uso algumas das da tua lista...
De aquimetem a 13 de Julho de 2007 às 17:00
Bela lição. Também sou mestre pela negativa, mas estou desculpado, pois na minha meninice vivida em terras de Basto, sempre ouvi dizer : "sobe a riba", e "vem cá baixo". O português e os portugueses é coisa difícil de entender, repare-se por exemplo no caso do eleitorado de Lisboa que dá a vitória ao António Costa, querem melhor prova de português à pressão. Um abração de parabéns
De Tiago a 23 de Julho de 2007 às 14:44
Olá!!!

Ehehe adorei este teu post!!
Eu sou um adepto destes pleonasmos....tenho amigos que detestam as minhas observaçoes ironicas quando dizem alguns dos mts que aqui colcaste eheheh
Li o teu post com um sorriso nos labios a fazer quadros mentais de cada uma expressão.

Uma optima semana para ti
De cleytonmion a 20 de Junho de 2008 às 23:32
O texto não se refere a tautologias, mas a redundâncias/pleonasmos.

Tautologia é uma explicação geralmente desnecessária - é um dizer por diversas formas sempre a mesma coisa -, mas que pode se constituir num recurso de linguagem interessante quando se quer deixar algo claro

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. ...

. Sabem o que é tautologia?

. Ser Sogra ....

. Testando os vossos conhec...

. Afinal a matemática não é...

. O que é de facto signific...

. ...

. Volteiiiiiiiiiiiiiiiii......

. Para Pensar Demoradamente

. Quando = eu estiver velhi...

.arquivos

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds