Quinta-feira, 5 de Outubro de 2006

Há vou esperar-te !

Satânico é meu pensamento a teu respeito e ardente é o meu desejo de apertar-te em minha mão, numa sede de vingança incontestável pelo que fizeste ontem.
A noite quente e calma chegara a ser angustiosa.
Apareceste e, nesta cama, aconteceu.
Sorrateiramente te aproximaste, sem o minimo de pudor. Encostaste o teu corpo sem roupa no meu corpo nú.
Percebendo a minha aparente indiferença, aconchegaste-te a mim e mordeste-me sem escrupulos até os mais íntimos lugares jamais tocados de meu casto corpo. E adormeci.
Hoje quando acordei, procurei-te numa ânsia ardente, mas em vão.
Deixaste provas irrefutáveis do que ocorreu na noite que passou. Grandes manchas no meu corpo e o alvo lençol salpicado de sangue. Esta noite recolho-me mais cedo para, na mesma cama, te esperar.
Óh ! quando chegares, nem pensar com que perspicácia, avidez e força eu quero te pegar para que não escapes mais de mim.
Em minhas mãos quero apertar-te até ao fim.
Não haverá parte do teu corpo que os meus dedos não passarão.
Só descansarei quando vir sair o sangue quente do teu corpo.
É assim, e só assim, livrar-me-ei de ti, pulga maldita...!

Assina:

publicado por Intemporal às 22:15
link do post | comentar | favorito
|
13 comentários:
De Márcia(clarinha) a 5 de Outubro de 2006 às 22:45
Hehehehe
eu achando que era um delicioso caso de amor, hehehehe
Muito bom esse texto/piada querida, muito bom :)
Linda noite flor
beijosssssssssssss
De gaivota da ria a 5 de Outubro de 2006 às 23:11
Estava tão tristonho quando ela apareceu
Seus olhos, que fascínam logo estremeceu

Os meus amigos falam que eu sonho demais

mas é somente ela que me satisfaz
É somente ela que me satisfaz
é somente ela que me satisfaz

Você só colheu o que você plantou
Por isso é que eles falam que eu sou sonhador

Me diz o que ela significa pra mim

se ela é um morango aqui do nordeste

Tú sabes, não existe sou cabra da peste

apesar de colher as batatas da terra

com essa mulher eu vou até pra guerra

AAAAAAAIIII, é a pulga
Ai ai ai é a pulga é a pulga!

hehehehhehehehehehehe

De Arte por um Canudo a 5 de Outubro de 2006 às 23:21
Estava para dizer que raio de paixão é esta que leva as pessoas à loucura, quando me apercebi que afinal era um ódio de morte.Ainda me rio da surpresa final..Gostei e achei fantástica. Bjs
De Maria Papoila a 6 de Outubro de 2006 às 11:56
loooooooool Beijinhos
De Jana a 6 de Outubro de 2006 às 12:05
kkkkkkkkkkk Que essa noite vc pege a maledeta!!

Beijos
De GotaDeAmor a 6 de Outubro de 2006 às 23:16
Puxa ... Eu a ler e a pensar para mim !!! ... Que grande noite !!! lolololololololol ... Bom fim de semana ... Beijinho
De Andesman a 7 de Outubro de 2006 às 14:38
"Maldita pulga...aqui não... ali!" É mais ou menos assim parte daquela história tão bem cantada pelo Max. E diz o povo: "Há muitas formas de matar pulgas". Tudo do melhor
De Maria a 7 de Outubro de 2006 às 16:39
Que bela partida! Adorei esta tua forma de riso contagiante.
Eh,ehehehehe...ainda sorrio para dentro. :)
Beijinhos
Maria
De mmfmatos a 8 de Outubro de 2006 às 23:40
Gaita!!!Só no fim me apercebi que não estavas numa fase vampiresca.Que susto!!!!!!!bjs.
De Barão da Tróia a 9 de Outubro de 2006 às 15:04
Malvada da pulga. Boa semana

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. ...

. Sabem o que é tautologia?

. Ser Sogra ....

. Testando os vossos conhec...

. Afinal a matemática não é...

. O que é de facto signific...

. ...

. Volteiiiiiiiiiiiiiiiii......

. Para Pensar Demoradamente

. Quando = eu estiver velhi...

.arquivos

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds